REFLECTION AND ACTION ON TEACHING PRACTICE IN THE EDUCATION OF YOUNG AND ADULT PEOPLE: AN EXPERIENCE LIVED THROUGH DIALOGUE WITH A TEACHER OF CHEMISTRY TEACHING

Keila Bossolani Kiill, Vanessa Cristina Girotto, Natália Mariane Braz, Márcia Regina Cordeiro

Abstract


This article is the result of a master's research carried out jointly with educators, learners and people involved in the education of young people and adults in general, and with the teaching of chemistry. Through this research, we seek to understand the process of formation of an educator of young people and adults, his uncertainties, limitations and the importance of rethinking actions and attitudes that happen every day and each experience lived while teaching for this specific teaching modality. Developed from the communicative methodology of research, this research had communicative observations, communicative life reports and discussion groups as its main instruments of data collection and involved an intersubjective analysis of the information collected. The results showed, for the most part, a teaching based on the mechanical memorization of chemical contents, the result of an initial training deficient that was commented by the teacher himself; and classes with content facilitated, summarized and focused more on the difficulties to learn than on the potentialities. Also transforming elements were observed, emphasizing the improvement of both academic learning and social interaction.

References


ARROYO, M. Educação de jovens- adultos: um campo de direito e de responsabilidades pública: In: Soares, L. et. al. Diálogos na educação de jovens e adultos. 2ª. ed. Belo Horizonte, Brasil: Autêntica, 2007.

__________. A nova configuração da EJA e seus impactos na formação dos educadores de jovens e adultos. In: Seminário Nacional sobre formação de educadores de jovens e adultos. Belo Horizonte. Anais... Belo Horizonte: Autêntica/ SECAD-MEC/UNESCO, 2006.

AUBERT, A.; FLECHA, A.; CARMEM, G; RAMÓN, F. Aprendizaje dialógico en la sociedad de la información. Barcelona, Espanha: Hipatia, 2008.

CASTELLS, M. La sociedad red. In: La era de la información: Economía, sociedad y cultura. La sociedad red. Madrid: Alianza Editorial, 1997.

_________. El poder de la identidad. In: La era de la información. Economía, sociedad y cultura. El poder de La identidad. Madrid: Alianza Editorial, 1998.

FÁVERO, O. Política públicas de educação de Jovens e Adultos no Brasil. In: SOUZA, J.; SALES, S., (Eds.), Educação de Jovens e Adultos: políticas e práticas educativas. Rio de Janeiro, Brasil: EDUR, p. 29-47, 2011.

FLECHA, R. Sucessful Educational Actions for inclusión and social cohesion in Europe. Springer Cham Heidelberg. New York. Dordrecht London, 2015.

FRANZI, J.; BRAGA, F. M.; CHERFEM, C.; MELLO, R. R.; PEREIRA, K. A;. Aprendizagem Dialógica na Educação de Pessoas Adultas: denúncias e anúncios para a superação de obstáculos e busca de desenvolvimento humano. Educação: Teoria e Prática, vol. 19, n.33, p.159-176, 2009.

FREIRE, P.; NOGUEIRA, A. O Que Fazer teoria e prática educativa popular.12ª ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2013.

FREIRE, P. Pedagogia do Oprimido. 56ª ed. Rio de Janeiro, Brasil: Paz e Terra, 2014.

_______. Pedagogia da Autonomia: Saberes necessários à prática educativa. 47ª, ed. Rio de Janeiro, Brasil: Paz e Terra, 2013.

_______. Pedagogia da Indignação: Cartas Pedagógicas e Outros Escritos. São Paulo: Editora UNESP, 2000.

GÓMEZ, J.; LATORRE, A., SANCHEZ, M.; FLECHA, R. Metodologia Comunicativa Crítica. Barcelona, Espanha: El Roure,2006.

HABERMA, J. Teoría de la Acción Comunicativa: Racionalidade de la acción y racionalización social. Madrid, Espanha: Taurus,1987.

HADDAD, P. S.; DI PIERRO, M. C.. Escolarização de jovens e adultos. Revista Brasileira de Educação. nº 14, pp. 108-130, 200 . Disponível em: . Acesso em: 22/10/2018

MARCONDES, M. E.R.; SOUZA, F. L. Interações verbais e cognitivas em aulas de Química contextualizadas. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, Vol. 13, n 3, p.95-119,2013.

MEDINA, O. Modelos de educación de personas adultas. Barcelona, Espanha: El Rouque. Consejería de Educación, Cultura e Deportes Del Gobierno de Canárias, Universidad de las Palmas de Gran Canaria, 1997.

MELLO, R. R. Metodologia de investigação comunicativa: contribuições para a pesquisa educacional na construção de uma escola com e para todas e todos. In: Reunião da ANPED, 29, 2006, Caxambu. Reunião da ANPED, Rio de Janeiro v. 1. p. 1-17, 2006. Disponível em: < http://www.anped.org.br/biblioteca/item/metodologia-de-investigacao-comunicativa-contribuicoes-para-pesquisa-educacional-0> Acesso em: 10/11/2018

MOURA, T. M. M. A formação de professores para a educação de jovens e adultos: dilemas atuais. Belo Horizonte: Autêntica, 2007.

OLIVEIRA, I. B. Jovens e adultos como sujeitos de conhecimento e aprendizagem. In: XXII Reunião Anual da ANPEd Caxambu, Brasil, p. 59-73, 1999. Disponível em: < http://www.anped.org.br/biblioteca/item/cadernos-anped-15a-reuniao-anual-da-anped-caxambu-1992-trabalhos-no-5-set-1993> Acesso em: 24/09/2018

OLIVEIRA, M. K. Jovens e adultos como sujeitos de conhecimento e aprendizagem. In: UNESCO, Educação como exercício de diversidade. Brasília: UNESCO, MEC, ANPED, 2007.

.PADRÓS CUXART, M. Educación democrática de personas adultas – Criterios que permiten definir una educación de personas adultas como democrática. 2008. 353 p. Tese (Doutorado em Educação) - Universitat de Barcelona. Barcelona.

SAMPAIO, M.N. Educação de jovens e adultos: Uma história de complexidade e tensão. Dossiê Temático: Educação de pessoas jovens, adultas e idosas, vol. 5 (n.7), p. 13-27, 2009. Disponível em: < http://periodicos.uesb.br/index.php/praxis/article/viewFile/241/253> Acesso em: 24/09/2018

SILVA, E.L. Contextualização no Ensino de Química: idéias e preposições de um grupo de professores. 2007.144 p. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências) – Universidade de São Paulo, São Paulo.

SOARES, L.; SIMÕES, F. M. A formação inicial do educador de jovens e adultos. Educação e Realidade, v. 29, n. 2, p. 12-38, 2005.

SANTOS, W. L. P. Contextualização no ensino de ciências por meio de temas CTS em uma perspectiva crítica. Revista Ciência & Ensino, vol. 1, 2007.

WARTHA, E. J.; ALÁRIO, A. F. A contextualização no Ensino de Química através do Livro Didático. Revista Química Nova na Escola, n° 22, nov, 2005.

WARTHA, E. J. ; SILVAE. L.; BRAIBANT M. E. F. Cotidiano e contextualização no ensino de Química. Revista Química Nova na Escola, v.35, n 2, p.84-91, 2013.




DOI: https://doi.org/10.14571/brajets.v12.n3.297-312



Licensed under :

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.

----------------------------------------------------------------------

Indexing, Scientific Societies and Directories

Logo CAPES Logo periodicos.CAPES Logo Google Scholar

Logo GIF Logo Latindex Logo BASE Logo PKP

Logo DIADORIM Logo IBICT Logo SIS

Logo Gaudeamus Logo ROAD Logo DOAJ