IDENTIFICAÇÃO DE FITONUTRIENTES ANTIOXIDANTES EM FRAÇÕES VEGETAIS DE MAÇà PARA O DESENVOLVIMENTO DE FITOCOSMÉTICO

Romario Victor Pacheco Antero, Elisangela Cardoso de Lima Borges

Abstract


Quatro metodologias de extração para obtenção dos extratos seco e bruto a partir da maçã foram consideradas nessa pesquisa: Extração por Maceração Dinâmica (EMAC); Extrato Hidroalcóolico a 20% (EE20); Maceração com Agitação Mecânica (MAM); Extração em Soxhlet (ES) e Maceração a Frio (MF),com o objetivo de verificar o rendimento para extrações in natura e no material dessecado. As metodologias de extração EE20, MF e MAM mostraram mais eficazes em matrizes vegetais dessecadas, enquanto que EMAC e EE forneceu um maior rendimento em matrizes in natura. A partir de prospecção fitoquímica identificou-se os principais compostos fenólicos nos resíduos (casca e semente) de maçã: flavonóides, fenóis e taninos. Esta análise permitiu conferir o caráter antioxidante dos resíduos do fruto e o desenvolvimento de uma formulação fitocosmética pela introdução do extrato da maçã, considerando suas propriedades anti radicais livres.



DOI: https://doi.org/10.14571/cets.v2.n1.101-104



Licensed under :

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.

----------------------------------------------------------------------

Indexing, Scientific Societies and Directories

Logo CAPES Logo periodicos.CAPES Logo Google Scholar

Logo GIF Logo Latindex Logo BASE Logo PKP

Logo DIADORIM Logo IBICT Logo SIS

Logo Gaudeamus Logo ROAD Logo DOAJ