A GARDEN IN "FLORESTA"

Claudia Barbosa Vieira Tavares

Abstract


Um Jardim em Floresta conta uma história que tenta aproximar duas localidades. Trata da questão do excesso e da falta de água, através de uma ação que começa no Rio de Janeiro, e se completa na localidade de Floresta, sertão de Pernambuco, Nordeste do Brasil, região atingida por severas e longas secas. Lá não chovia há três anos. A ação se baseia em retirar o excesso de umidade do meu ateliê no Rio, por meio de desumidificadores, acumular essa água em garrafas de vidro e levá-la ao sertão para regar um jardim que seria construído por lá. Por dois anos engarrafei essa água, pensando na seca que impede a proliferação do verde e da vida em Floresta. Em Janeiro de 2016 fui do Rio de Janeiro à Floresta, levando comigo cerca de 180 garrafas de água. Durante cinco dias viajei por cidades/lugarejos vizinhos buscando mudas de plantas. Consegui seis caixas de mudas para o plantio. As mudas foram dadas de presente por pessoas que cultivam jardins no sertão. Voltando a Floresta, construí um jardim, reguei com a água transportada. O Inesperado aconteceu. Fotografei e filmei o processo.



DOI: https://doi.org/10.14571/cets.v10.n2.%25p



Licensed under :

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.

----------------------------------------------------------------------

Indexing, Scientific Societies and Directories

Logo CAPES Logo periodicos.CAPES Logo Google Scholar

Logo GIF Logo Latindex Logo BASE Logo PKP

Logo DIADORIM Logo IBICT Logo SIS

Logo Gaudeamus Logo ROAD Logo DOAJ