ETHNIC-RACIAL ISSUES IN BACHELORS IN CHEMISTRY AND PHYSICS OF A FEDERAL UNIVERSITY NORDESTINA

Maria Camila Lima Brito de Jesus, Edinéia Tavares Lopes

Abstract


In this work, we tried to answer the following question: What are the approximations and the distances of the teacher formation proposal present in the Political Educational Projects (PPP) of the Undergraduate Courses in Chemistry and Physics of an interior campus of a federal university in northeast to Education for Ethnic–Racial Relations (Erer)? Thus, this article aims to analyze the PPP of the mentioned courses and Erer insertion on them. From a qualitative approach, we analyzed data collected by Documental Analysis and Interviews. It was possible to verify that the analyzed PPP do not contemplate the relation between education and cultures and, more specifically, they do not propose the insertion of Erer. The results pointed to the need of Erer guidelines implement in these courses and, more broadly, in the various institutional actions, such as teaching, research and extension.

References


BOGDAN, Robert; BIKLEN, Sari. Investigação qualitativa em educação. Porto: Porto Editora, 2013.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria da Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade. Orientações e Ações para a Educação das Relações étnico-Raciais. Brasília: SECAD, 2006. 261p.

_______. Conselho Nacional de Educação/Conselho Pleno. Resolução nº 1, de 17 de Junho de 2004. Diário Oficial da União, Brasília, 22 jun. 2004, Seção 1, 2 p.

_______. Lei nº 11.645, de 10 Março de 2008. Inclui no currículo oficial da Rede de Ensino a obrigatoriedade da temática “História e Cultura Afro-Brasileira e Indígenaâ€. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Poder Executivo, Brasília, DF.

_______. Ministério da Educação. Diretrizes curriculares nacionais para a educação das relações Étnico-Raciais e para o ensino de história e cultura afro-brasileira e africana. Brasília, DF, 2004.

BRITO, Maria Camila Lima; LOPES, Edineia Tavares. A educação das relações étnico- raciais: perspectivas para a formação docente em Química. Scientia Plena, v. 10, n. 8, p.1-12, 2014.

CANDAU, Vera Maria. O/A Educador/a Como Agente Cultural. In: LOPES, A. R. C.; MACEDO, E. F.; ALVES, M. P. C. Cultura e Política de Currículo. Araraquara: Junqueira & Marin, 2006.

CHARLOT, Bernard. Relação com o saber, formação dos professores e globalização: questões para a educação hoje. Porto Alegre: Artmed, 2005.

CHASSOT, Attico. Alfabetização cientifica: uma possibilidade para a inclusão social, Revista Brasileira de Educação, n. 22, Jan/Fev/Mar/Abr, p.89-100 ,2003.

FLICK, Uwe. Qualidade na pesquisa qualitativa, Porto Alegre: Artmed, 2009.

GEERTZ, Clifford. A interpretação das culturas. Rio de janeiro: LCT Editora, 1989.

SOUZA, A. L. S. Ensino Médio. In: BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria da Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade. Orientações e Ações para a Educação das Relações étnico-Raciais. Brasília: SECAD, 2006. p. 79-96.

VERRANGIA, Douglas; SILVA, Petronilha Beatriz Gonçalves. Cidadania, relações étnico-raciais e educação: desafios e potencialidade do ensino de Ciências. Educação e Pesquisa, v. 36, n. 3, p. 705-718, 2010.




DOI: https://doi.org/10.14571/brajets.v11.n2.372-382



Licensed under :

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.

----------------------------------------------------------------------

Indexing, Scientific Societies and Directories

Logo CAPES Logo periodicos.CAPES Logo Google Scholar

Logo GIF Logo Latindex Logo BASE Logo PKP

Logo DIADORIM Logo IBICT Logo SIS

Logo Gaudeamus Logo ROAD Logo DOAJ