Fake news, information at the center of contemporary society: from the educomunicative look

Francisco Carlos Paletta, Viviane Patricia Bento

Abstract


With the large volume of production and dissemination of information in cyberspace, individuals have difficulty in selecting content and end up contributing to the dissemination of false news called: fake news. In this context, media literacy from the point of view of Educommunication is necessary to deal with Information and Communication Technologies (ICT) and to combat the undue spread of false news. The objective of this study is to show how fake news proliferate in the networks and how harmful they can be, as well as to show how Educommunication can be a way for subjects to be able to make a reflective reading about the media they use.

References


AMOSSY, Ruth; ZAVAGLIA, Adriana. O lugar da argumentação na análise do discurso: abordagens e desafios contemporâneos. Filologia e linguística portuguesa, n. 9, p. 121-146, 2007.

BACCEGA, M.A., CITELLI, A.O. Retórica da manipulação, os sem-terra nos jornais. In: Comunicações e Artes, v.14, n.20, abr., 1989.

BELL, J. Como realizar um projecto de investigação. Ed. 3º, 1993. Lisboa: Gradiva.

BETTS, Davi Nelson. Novos paradigmas para a educação. Revista do Cogeime, v.13, 1998.

BONILLA, Maria Helena Silveira. Escola aprendente: para além da sociedade da informação. Rio de Janeiro: Quartet, 2005.

BONILLA, Maria Helena Silveira. Inclusão digital nas escolas. Educação, direitos humanos e inclusão social: histórias, memórias e políticas educacionais. João Pessoa: Editora universitária da UFPB, v. 1, p. 183-200, 2009.

BONILLA, Maria Helena Silveira. Políticas públicas para inclusão digital nas escolas. Motrivivência, n. 34, p. 40-60, 2010.

BORGES, Márcia de Freitas Vieira. Inserção da Informática no Ambiente Escolar: inclusão digital e laboratórios de informática numa rede municipal de ensino. In: Anais do Workshop de Informática na Escola. 2008.

BRAGA, José Luiz; CALAZANS, Regina. Comunicação e educação: questões delicadas na interface. São Paulo. Hacker Editores, 2001.

BUCKINGHAM, D. Children talking television: the making of television literacy. London: Falmer, 1994.

CASTELLS, Manuel; MAJER, Roneide Venâncio; GERHARDT, Klauss Brandini. A sociedade em rede. Fundação Calouste Gulbenkian, 2002.

CASTELLS, M. A sociedade em rede. 6. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2009.

CERVO, A. L.; BERVIAN, P. A.; SILVA, R. Metodologia científica. 6. ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2007.

CHIBENI, Silvio Seno. O texto acadêmico. Via Moderna, 2010. Disponível Acesso em 29/07/2020.

CONDE, César Augusto Galvão Fernandes. Desinformação: qualidade da informação compartilhada em mídias sociais. 2018. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) - Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 2018.

COSTA, Maria Cristina Castilho; ROMANINI, Vinícius. A educomunicação na batalha contra as fakes news. Comunicação & Educação, v. 24, n. 2, p. 66-77, 2019.

COUTINHO, Clara Pereira; LISBÔA, Eliana Santana. Sociedade da informação, do conhecimento e da aprendizagem: desafios para educação no século XXI. 2011.

CUEVAS-CERVERO, Aurora; MARQUES, Márcia; PAIXÃO, Pablo Boaventura Sales. A alfabetização que necessitamos: informação e comunicação para a cidadania. Informação & Sociedade: Estudos, v. 24, n. 2, 2014.

EMEDIATO, Wander. Discurso e web: as múltiplas faces do Facebook. Revista da ABRALIN, v. 14, n. 2, 2015.

FIORIN, José Luiz. Enunciação e comunicação. Comunicação e análise do discurso. São Paulo: Contexto, p. 46-78, 2012.

FRANCESCO, Nayara Nascimento; LEONE, Simone Delago. 1. Educação Midiática contra" fake news". Revista Científica UMC, v. 5, n. 1, 2020.

FREITAS, Janaína Peixoto de; FERRARI JÚNIOR, José Carlos. Importância da sistematização dos conceitos educomunicação, TIC’s e mídia na organização curricular. In: Educomunicação e alfabetização midiática [recurso eletrônico]: conceitos, práticas e interlocuções / Organização Ismar de Oliveira Soares, Claudemir Viana, Jurema Brasil Xavier. – São Paulo, SP : ABPEducon, 2016.

HAETINGER, Max. Informática na educação – um olhar criativo. São Paulo: Papirus, 2003.

IDEC. Fake News nas eleições 2020: saiba como identificar e denunciar desinformação. Disponível em:< https://idec.org.br/dicas-e-direitos/fake-news-nas-eleicoes-2020-saiba-como-identificar-e-denunciar-desinformacao>. Acesso em: 12/02/2021.

JENKINS, H. Cultura da convergência. 2. ed. São Paulo: Aleph, 2009.

LÉVY, Pierre. Trad. COSTA, Carlos Irineu da. Cibercultura. 1ª. ed. São Paulo, v. 34, 1999.

LONGHI, Raquel Ritter; DE SOUSA, Maíra de Cássia Evangelista. A dinâmica da notícia na internet: organizações jornalísticas e atores da rede/ Newa dynamics in the internet: News organizations and actor-network. Contemporânea-Revista de Comunicação e Cultura, v. 10, n. 3, p. 511-529, 2012.

MADEIRO, CARLOS. Movimento antivacina avança na web: por que ele é ameaça à saúde pública. Disponível em: . Acesso em 10/02/2021.

MORIN, Edgar. “A comunicação pelo meio (teoria complexa da comunicação)” In: Revista FAMECOS, nº 20. Porto Alegre, 2003.

NASCIMENTO, Carlos Eduardo Gomes. Fake News, mentira organizada e educação: uma reflexão a partir do pensamento de Hannah Arendt. Revista Docência e Cibercultura, v. 4, n. 1, p. 243-263, 2020.

OLIVEIRA, Filipe. Facebook chega a 127 milhões de usuários mensais no Brasil. Folha de São Paulo, São Paulo, 18 de jul. de 2018. Disponível em:< https://www1.folha.uol.com.br/tec/2018/07/facebook-chega-a-127-milhoes-de-usuarios-mensais-no-brasil.shtml>. Acesso em: 30/07/2020.

OLIVEIRA, Sara Mendonça Poubel de. Disseminação da informação na era das fake news. Múltiplos Olhares em Ciência da Informação, v. 8, n. 2, 2018.

OTTONICAR, Selma Leticia Capinzaiki et al. Fake news, big data e o risco à democracia: novos desafios à competência em informação e midiática. 2019.

PESCE, Lucila. Formação de educadores na contemporaneidade: a contribuição dos ambientes digitais de aprendizagem. Anais da 28ª ANPEd. Caxambu, 2005.

PESCE, Lucila; BRUNO, Adriana R. Educação e inclusão digital: consistências e fragilidades no empoderamento dos grupos sociais. Dossiê - In/exclusão digital e Educação. Educação (PUC RS). v. 38, n. 03, set.-dez. 2015. p. 349-357. Disponível em: http://revistaseletronicas.pucrs.br/fo/ojs/index.php/faced/article/view/21779 . Acesso em: 08/09/2020.

PRETTO, Nelson et al. Políticas públicas educacionais no mundo contemporâneo. Liinc em Revista, v. 2, n. 1, 2006.

PRETTO, Nelson de Luca. O desafio de educar na era digital. Revista portuguesa de educação, v. 24, n. 1, p. 95-118, 2011.

PRETTO, Nelson De Luca. Educações, culturas e hackers: escritos e reflexões. Edufba, 2017.

RECUERO, Raquel. Redes sociais na internet, difusão de informação e jornalismo: elementos para discussão. Metamorfoses jornalísticas, v. 2, p. 1-269, 2009.

SANTAELLA, Lucia. Cultura das mídias. São Paulo: Editora Paulus, 2007.

SILVA, Helena; JAMBEIRO, Othon; LIMA, Jussara; BRANDÃO, Marco Antonio. Inclusão digital e educação para a competência informacional: uma questão de ética e cidadania. Ci. Inf., Brasília, v. 34, n. 21, p. 28-36, jan.-abr. 2005. Disponível em: . Acesso em: 09/09/2020.

SILVEIRA, Sérgio Amadeu. A noção de exclusão digital diante das exigências de uma cibercidadania. In: HETKOWSKI, Tânia Maria (Org.). Políticas públicas & inclusão digital. Salvador: EDUFBA, 2008.

SOARES, Ismar de Oliveira. Educomunicação e educação midiática: vertentes históricas de aproximação entre Comunicação e Educação. Comunicação & Educação, São Paulo, v. 19, n. 2, p. 15-26, jul./dez. 2014.

SOUZA, Kamila Regina de. Os desenhos animados e a Prática Pedagógica Educomunicativa na Educação Infantil: uma aventura dialógica no estágio curricular. Tese de Doutorado. Programa de Pós-Graduação em Educação. Universidade do Estado de Santa Catarina. Florianópolis, 2017.

TELES, Paulo Cesar da Silva; DE SOUZA, Karla Isabel; CONSANI, Marciel A.; VETRITTI, Fabiana Grieco Cabral de Mello. Educação e mídias digitais contemporâneas: tendências on-line, literacias e competências multiplataforma. Revista GEMInIS, São Carlos, UFSCar, v. 8, n. 3, pp.77-97, set. / out. 2017.

VIANA, Claudemir Edson; DE MELLO, Luci Ferraz. Cultura digital e a educomunicação como novo paradigma educacional. Revista FGV Online, v. 3, n. 2, p. 31-49, 2013.

VOSOUGHI, Soroush; ROY, Deb; ARAL, Sinan. The spread of true and false news online. Science, v. 359, n. 6380, p. 1146-1151, 2018.

WILSON, C., Grizzle, A., Tuazon, R., Akyempong, K., & Cheung, C. K.. Alfabetização midiática e informacional: currículo para formação de professores. Brasília, DF: Unesco: UFTM, 2013.

WOLF, Giovanna. Brasil tem 230 milhões de smartphones em uso. UOL, 2019. Disponível em:. Acesso em: 31/07/2020.

em cada 10 internautas receberam Fake News. Conectaí Brasil, 2018. Disponível em: Acesso em 31/07/2020.




DOI: https://doi.org/10.14571/brajets.v14.n3.437-447

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Licensed under :

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.

----------------------------------------------------------------------

Indexing, Scientific Societies and Directories

Logo CAPES Logo periodicos.CAPES Logo Google Scholar

Logo GIF Logo Latindex Logo BASE Logo PKP

Logo DIADORIM Logo IBICT Logo SIS

Logo Gaudeamus Logo ROAD Logo DOAJ