CONCEPTUAL EVOLUTION OF SPECIAL EDUCATION: A VIEW CENTERED ON THE LEGAL FRAMEWORK IN PORTUGAL

Elsa Maria Gabriel Morgado, Levi Leonido Fernandes da Silva, Maria Beatriz Licursi Conceição, Mário Aníbal Gonçalves Rego Cardoso, João Bartolomeu Rodrigues

Abstract


This article focuses mainly on the Portuguese legal framework, which somehow also results from the significant changes and recommendations of the various (international) guidelines on Special Education and the Inclusion. It also intends to carry out a review of the literature on the historical and conceptual evolution of the Special Education and all the corresponding concepts and themes. The combination of these two approaches clearly contribute, in our view, for a consolidation and coordination between the historical knowledge and the conceptual knowledge, together with the legal framework inherent in the practice and intervention in different contexts in which Special Education is of particular focus and interest. The present research is a qualitative research using the method of documentary research based on the conceptual and methodological framework of Gil (2010) and Bardin (1979) which aims to present some facts that we consider relevant to the history of Education Special, sensitizing the readers to the inescapable need of their social and civic participation, in order to ground a collective voice that wants to be strong and mobilizing in a central theme for the life of all. As a result of the present investigation, the latent need to carry out a significant reformulation and normative updating is evident in the light of the civilizational and conceptual advances that come from the specific needs and particularities of inclusion and special education in particular.

References


BISSOTO, Maria Luísa Educação inclusiva e exclusão social. Revista Educação Especial, v. 26, n. 45, p. 91-108, 2013. doi.org/10.5902/1984686X5434

BORGES, Isabel Maria Maia de Oliveira. A educação especial na esfera pública em Portugal: análise dos debates em torno das recentes medidas de política educativa. 2011. 116f. Tese (Mestrado em Ciências da Educação) – ESE de Lisboa, Lisboa, 2011.

CARVALHO, Erenice Natália Soares de. Educação Especial e inclusiva no ordenamento jurídico brasileiro. Revista Educação Especial, v. 26, n. 46, p. 261-276, 2013. .doi.org/10.5902/1984686X4662

CORREIA, Luís de Miranda. Algumas estratégias a utilizar em sala de aulas inclusivas. Colecções Necessidades Educativas. Porto: Porto Editora, 2000.

______. A escola contemporânea e a inclusão de alunos com NEE: Considerações para uma educação com sucesso. Porto: Porto Editora, 2008.

_____. Inclusão e Necessidades Educativas Especiais - Um guia para educadores e professores. Porto: Porto Editora, 2013.

CORREIA, Luís de Miranda; CABRAL, Maria do Carmo de Macedo. Uma Nova política em Educação. In: CORREIA, L. M. (Ed.). Alunos com Necessidades Educativas Especiais nas Classes Regulares, Porto: Porto Editora, p. 17-43, 1997.

DGIDC. Educação especial - Manual de apoio à prática. Lisboa: DGIDC, 2008.

HEGARTY, Seamus. Inclusão e educação para todos: Parceiros necessários. In: RODRIGUES, D. (Ed.). Equidade e Educação inclusiva. Porto: Profedições, Lda./Jornal a Página da Educação, 2013.

JIMÉNEZ, Rafael Bautista. (Coord.). Necessidades Educativas Especiais. Lisboa: Dinalivro, 1997.

MANTOAN, Maria Teresa Eglér. Inclusão escolar: O que é? Por quê? Como Fazer? (2.ª Ed). São Paulo: Moderna, 2006.

MORGADO, Elsa Maria Gabriel. (2014). O Universo da Supervisão: Uma Abordagem Inclusiva nos Domínios da Habilitação para a Docência e da Inserção Profissional. Tese de Doutoramento em Ciências da Educação, Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Vila Real.

PORTUGAL. Ministério da Educação. Decreto-Lei n.° 172/91, de 10 de Maio de 1991. Diário da República, 1.ª Série-A, N.º 107 – 10 de Maio de 1991. Lisboa. Disponível em: http://www.parlamento.pt/ActividadeParlamentar/Paginas/DetalheIniciativa.aspx?ID=27206. Acesso em: 10/3/2017.

______. Ministério da Educação. Decreto-Lei n.° 190/91, de 17 de Maio de 1991. Diário da República, 1.ª Série-A, N.º 113 – 17 de Maio de 1991. Lisboa. Disponível em: https://dre.tretas.org/dre/25899/. Acesso em: 11/02/2017.

______. Ministério da Educação. Decreto-Lei n.° 35/90, de 25 de Janeiro de 1990. Diário da República, 1.ª Série-A, N.º 1379 - 25 de Janeiro de 1990. Lisboa. Disponível em: http://publicos.pt/documento/id335264/decreto-lei-35/90. Acesso em: 14/02/2017.

______. Ministério da Educação. Decreto-Lei n.° 3/2008, de 7 de Janeiro de 2008. Diário da República, 1.ª Série, N.º 4 – 7 de Janeiro de 2008. Lisboa. Disponível em: http://www.pgdlisboa.pt/leis/lei_mostra_articulado.php?nid=1405&tabela=leis. Acesso em: 14/02/2017.

______. Ministério da Educação. Decreto-Lei n.° 319/91, de 23 de Agosto de 1991. Diário da República, 1.ª Série-A, N.º 193 – 23 de Agosto de 1991. Lisboa. Disponível em: cdp.portodigital.pt/repositorio-de-legislacao/decreto-lei-no319-91/at_download/file. Acesso em: 11/02/2017.

______. Ministério da Educação. Decreto-Lei n.° 35/90, de 25 de Janeiro de 1990. Diário da República, 1.ª Série, N.º 21 – 25 de Janeiro de 1990. Lisboa.Disponível em: https://dre.pt/application/file/a/335341 Acesso em: 11/02/2017.

______. Ministério da Educação. Decreto-Lei n.° 43/89, de 3 de Fevereiro de 1989. Diário da República, 1.ª Série, N.º 29 – 3 de Fevereiro de 1989. Lisboa. Disponível em: http://www.ige.min-edu.pt/upload/docs/DL43-89.pdf. Acesso em: 15/02/2017.

______. Ministério da Saúde. Decreto-Lei n.º 319/91, de 23 de Outubro de 2009. Diário da República, 1.ª Série, N.º 193 – 6 de Outubro de 2009. Lisboa. Disponível em: cdp.portodigital.pt/repositorio-de-legislacao/decreto-lei-no319-91/at_download/file. Acesso em: 11/02/2017.

______. Ministério da Educação. Decreto-Lei n.º 286/89, de 29 de Agosto de 1989. Diário da República, 1.ª Série, N.º 198 – 29 de Agosto de 1989. Lisboa. Disponível em: www.idesporto.pt/DATA/DOCS/LEGISLACAO/Doc179.pdf. Acesso em: 11/02/2017.

______. Ministério da Educação. Despacho Conjunto n.º 38/SEAM/SERE/88 de 17 de Agosto de 1988. Diário da República, 2.ª Série, N.º 189 - de 17 de Agosto de 1988. Lisboa. Disponível em: https://dre.tretas.org/dre/83184/. Acesso em: 11/02/2017.

______. Assembleia da Republica. Lei n.° 46/86, de 14 de Outubro de 1986. Lei de Bases do Sistema Educativo. Diário da República, 1.ª Série, N.º 237 – 14 de Outubro de 1986. Lisboa. Disponível em: http://www.pgdlisboa.pt/leis/lei_mostra_articulado.php?nid=1744&tabela=leis. Acesso em: 14/02/2017.

______. Presidência da Republica. Lei n.º 5/73, de 25 de Julho de 1973. Diário da República, 1.ª Série, N.º 173 – 25 de Julho 1973. Lisboa. Disponível em: https://dre.tretas.org/dre/33239/. Acesso em: 15/02/2016.

______. Presidência da República. Lei n.º 6/71, de 8 de Novembro de 1971. Diário da República, 1.ª Série, N.º 262 – 8 de Novembro de 1971. Lisboa. Disponível em: https://dre.tretas.org/dre/36767/. Acesso em: 11/02/2017.

______. Assembleia da República. Lei n.º 21/2008, de 12 de Maio de 2008. Diário da República, 1.ª Série, N.º 91 – 12 de Maio de 2008. Lisboa. Disponível em: http://www.ige.min-edu.pt/upload/Legisla%C3%A7%C3%A3o/Lei_21_08.pdf. Acesso em: 10/02/2017.

______. Ministério da Educação. Portaria n.º 921/92, de 23 de Setembro de 1992. Diário da República, 1.ª Série-B, N.º 220 – 23 de Setembro de 1992. Lisboa. Disponível em: http://publicos.pt/documento/id234121/portaria-921/92. Acesso: 14/01/2017.

REBELO, M. C. A. Concepções e práticas de professores do 2º e 3º ciclo do Ensino Básico face à inclusão de crianças com Necessidades Educativas Especiais. 2011. 114f. Tese (Mestrado em Ensino Especial) - ESE de Lisboa, Lisboa, 2011.

RODRIGUES, David. Equidade e Educação Inclusiva. Porto: Profedições, Lda/ Jornal a página, 2013.

SANCHES, Isabel; TEODORO, António. (2006). Da integração à inclusão escolar: cruzando perspectivas e conceitos. Revista Lusófona de Educação, n. 8, p. 63-83, 2006.

SASSAKI, Romeu Kazumi. Inclusão – Construindo uma sociedade para todos. Rio de Janeiro: WVA, 2010.

SOUSA, Liliana. Crianças (Con)Fundidas entre a Escola e a Família – Uma Perspetiva Sistémica para Alunos com NEE. Porto: Porto Editora, 1998.

TENOR, Ana Cláudia;

DELIBERATO, Débora. Sistematização de um Programa de Capacitação ao Professor do Aluno Surdo. Rev. Bras. Ed. Esp., Marília, v. 21, n. 3, p. 409-422, 2015. doi.org/10.1590/S1413-65382115000300007.

ESTEVES, Letícia Monteiro; CRUZ, Eduardo Chaves; BERTELLI, Rosangella. Níveis de envolvimento de uma criança com Síndrome de Down em contextos de inclusão e educação especial. Revista Educação Especial, v. 26, n. 45, p. 31-44, 2013.doi.org/10.5902/1984686X5644

UNESCO. Declaração de Salamanca. Lisboa: Edição do IIE, 1994.

WARWICK, Cliff. O Apoio à s Escolas Inclusivas. In: RODRIGUES, D. (Org.). Educação e diferença - Valores e práticas para uma educação inclusiva. Colecção Educação Especial. Porto: Porto Editora, p. 109-122, 2001.




DOI: https://doi.org/10.14571/brajets.v11.n3.416-426



Licensed under :

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License.

----------------------------------------------------------------------

Indexing, Scientific Societies and Directories

Logo CAPES Logo periodicos.CAPES Logo Google Scholar

Logo GIF Logo Latindex Logo BASE Logo PKP

Logo DIADORIM Logo IBICT Logo SIS

Logo Gaudeamus Logo ROAD Logo DOAJ